Vasos quebrados compõem belos jardins

22:12


Pense no amor como um vaso de flores.

Agora, preste atenção nessa analogia:

Esse vaso foste inteiro um dia, mas por descuido ele foi quebrado e todos diziam que ele nunca mais teria conserto e jamais seria a mesma coisa. 

E, realmente, não foi.

Nesse momento, você deve estar se perguntando como que algo quebrado ainda pode ser bonito, como que pode haver beleza em algo que está totalmente estilhaçado e destruído. Porém, vou te explicar.

Com um olhar mais profundo, esse vaso foi transformado em algo mais bonito do que já foi um dia, mas para isso foi necessário muita atenção, cultivo e amor. Ele não deixa de ser bonito por ter sido quebrado, ele é radiante por estar mais belo ainda.

Ele foi reinventado e cada pedacinho dele foi reaproveitado como um pilar para receber as novas flores que agora restituem o que foi destruído.

E o que isso tem a ver com o amor?

Todos os danos causados serviram de mudança para conseguirmos enxergar o que nos faltava no relacionamento após o erro acometido que, hoje, nos faz compreender com delicadeza os detalhes que precisamos cultivar mais. Às vezes, deixamos que as coisas saiam do nosso alcance e nos acomodamos com uma realidade que leva o nosso relacionamento à beira do precipício. 

Por mais que estejamos fazendo errado, ou, tenhamos feito errado. Há conserto, há recomeço e, há beleza.

Nem todos conseguem ver o impacto da queda, mas sabem que o alcance daquela beleza foi devido ao cuidado profundo, que é o cuidado que temos que ter com o vosso amor, pois esse vaso é o exemplo mais brando de restituição que podemos ter.

Logo, nosso amor planta coisas lindas, ele é exuberante, mas está em um vaso quebrado e, se não transformarmos esse vaso propício para receber as novas plantinhas, ele estará ofuscando e cortando um ao outro devido as partes quebradas.

Precisamos estar de corações abertos para cultivarmos as coisas boas que o nosso amor nos têm a proporcionar, caso contrário, será apenas uma guerra de corações partidos.

Talvez demore tempo, exija paciência e dedicação, mas no final sabemos que vasos quebrados, ainda assim, compõem belos jardins. 

Assim é o nosso amor.

You Might Also Like

0 comentários